Imagem

Sócrates nasceu em Atenas provavelmente no ano de 470 aC, e tornou-se um dos principais pensadores da Grécia Antiga. Podemos afirmar que Sócrates fundou o que conhecemos hoje por filosofia ocidental. Foi influenciado pelo conhecimento de um outro importante filósofo grego: Anaxágoras. Seus primeiros estudos e pensamentos discorrem sobre a essência da natureza  da alma humana.

Sócrates era considerado pelos seus contemporâneos um dos homens mais sábios e inteligentes. Em seus pensamentos, demonstra uma necessidade grande de levar o conhecimento para os cidadãos gregos. Seu método de transmissão de conhecimentos e sabedoria era o diálogo. Através da palavra, o filósofo tentava levar o conhecimento sobre as coisas do mundo e do ser humano.

Conhecemos seus pensamentos e ideias através das obras de dois de seus discípulos: Platão e Xenofontes. Infelizmente, Sócrates não deixou por escrito seus pensamentos.

Sócrates não foi muito bem aceito por parte da aristocracia grega, pois defendia algumas ideias contrárias ao funcionamento da sociedade grega. Criticou muitos aspectos da cultura grega, afirmando que muitas tradições, crenças religiosas e costumes não ajudavam no desenvolvimento intelectual dos cidadãos gregos.

Em função de suas ideias inovadoras para a sociedade, começa a atrair a atenção de muitos jovens atenienses. Suas qualidades de orador e sua inteligência, também colaboraram para o aumento de sua popularidade. Temendo algum tipo de mudança na sociedade, a elite mais conservadora de Atenas começa a encarar Sócrates como um inimigo público e um agitador em potencial. Foi preso, acusado de pretender subverter a ordem social, corromper a juventude e provocar mudanças na religião grega. Em sua cela, foi condenado a suicidar-se tomando um veneno chamado cicuta, em 399 AC.

Ele discursava sobre a vida, com uma visão própria sobre os acontecimentos da época fazia com que seus seguidores e ouvintes refletissem e pensassem por um novo prisma,um novo olhar, instigando muitas vezes com seus jogos de palavras o pensar, “sei que nada sei”.

O pensar nos faz livres. 
Livres da dominação de um pensamento comum, imposto por aqueles que querem ter o poder sobre os homens. 
Os homens querem ter opiniões, mas poucos, querem pensar e refletir por si só, seguem conceitos, pré-conceitos e as programações que fazem com que aqueles que pensam igual sejam aceitos pelo grupo, onde não há reflexão ou pensar individual. E Sócrates, com seus ensinamentos, incentivava justamente que seus ouvintes saíssem deste julgo do comum saíssem do automatismo, fazia com que eles pudessem pensar por si.
Mas, o homem que pensa, é um ser que se torna perigoso para os dominantes, ele é autônomo e se destaca do grupo que é dominado, sai da programação estabelecida por aqueles que pensam ter o poder dentro da sociedade, dentro das religiões, dentro de todos os grupos. 
 
 Sócrates ousou ensinar este poder ao homem.
 
 Ensinou que o maior poder e direito do ser humano é pensar.
 
E, por isso, Sócrates foi acusado pelos políticos e condenado a morte por um júri de cinquenta pessoas, por negar os deuses do Estado
 e por “perverter a juventude de Atenas” e teve que tomar cicuta ( uma espécie de veneno) para cumprir sua sentença de morte.
 
Não foi a cicuta que matou Sócrates, o que matou Sócrates foi o medo e a intolerância do novo do pensar diferente 
 ou mesmo divergente do que já estava estabelecido.
 
O que matou Sócrates é o mesmo que hoje mata milhões de seres humanos, onde homens lutam por suas ideologias, se agarram a verdades e crenças para justificar o seu medo do novo, do diferente querendo destruir o que não lhe é familiar, querendo destruir outra forma de pensar que não seja a sua, querendo destruir a sua própria insegurança e intolerância destruindo o outro, fisicamente, moralmente ou intelectualmente.
 
Todo o ser humano tem o direito de pensar por si só, e este direito não pode ser roubado, pilhado ou destruído. 
 
O homem pode ser aprisionado e encarcerado, mas jamais poderão aprisionar o pensamento humano, ele é livre.
 
Pense.
 
O pensar te faz humano, o refletir te faz sensato, o aprender te faz humilde, o humilde sabe que nada sabe, porque está sempre buscando o Saber .
 
 Escolha seu caminho com sabedoria. 
 
Anúncios